SHERPA

Foi lançado um novo projeto da União Europeia que pretende contribuir para a formulação de políticas e investigações futuras nas áreas rurais. A CONSULAI é parceira deste projeto.

Um dos mais ambiciosos projetos de participação pública financiados pela Comissão Europeia começou no dia 22 de outubro do presente ano.

“Sustainable Hub to Engage into Rural Policies with Actors” (SHERPA) é um projeto com a duração de quatro anos, financiado pelo programa da UE - Horizonte 2020 - e coordenado pela ECORYS (Bruxelas).

O projeto tem como principal objetivo envolver os cidadãos, stakeholders, cientistas e organismos com poderes de decisão na formulação de recomendações para redefinir as políticas de desenvolvimento europeias e a agenda de investigação para as áreas rurais. A interação entre os diferentes atores ocorrerá em 40 plataformas multi-ator (MAPs) disponíveis em 20 estados-membros e numa plataforma a nível da UE.

O projeto SHERPA contribuirá para o desenvolvimento de políticas em três áreas:

  1. Atribuir apoios para a elaboração de futuras políticas de investigação, com foco na preparação de programas de trabalho no âmbito do Horizonte Europa;
  2. Apoiar a implementação de políticas relevantes para as áreas rurais no período de programação 2021-2027;
  3. Ajudar na definição da orientação da política rural no próximo período de programação (pós-2027).

A abordagem de implementação do projeto é baseada em quatro linhas orientadoras: programação flexível de atividades para permitir contribuições oportunas e responsivas à formulação de políticas; imparcialidade e transparência; reconhecimento da diversidade dos territórios rurais da UE e interações a vários níveis; co-construção.

“O projeto irá adotar uma nova abordagem inclusiva de forma a facilitar o estabelecimento de interfaces duradouras entre a sociedade, a ciência e as partes interessadas em políticas dedicadas ao fortalecimento da resiliência das áreas rurais.”
Olivier Chartier, Coordenador do Projeto

O projeto SHERPA foi delineado para garantir o uso efetivo do conhecimento adquirido em investimentos anteriores e capacitar os principais atores no desenvolvimento de políticas públicas nas áreas rurais. O projeto estabelecerá um novo padrão de definição de uma visão comum para o futuro das áreas rurais e na participação da sociedade por meio da avaliação de resultados de investigações anteriores, desenvolvimento e avaliação de soluções para enfrentar desafios e oportunidades nas próximas duas décadas.

No decorrer da reunião de arranque do SHERPA, as MAPs do projeto expressaram interesse em trabalhar em diversas questões políticas relacionadas com a provisão de serviços, mudanças climáticas, digitalização e sustentabilidade. Um resultado importante do projeto será o desenvolvimento de documentos de posição que fornecerão recomendações de políticas numa área temática específica, com base em projetos anteriores e na contribuição local dos MAPs.

Com a união de 17 parceiros de toda a Europa, o SHERPA pretende criar fortes aptidões em campo e inspirar um maior envolvimento das partes interessadas no processo de formulação de políticas baseados em evidências. É com grande satisfação e sentido de responsabilidade que a CONSULAI é parceira deste projeto.

O que se segue?

No início do próximo ano, o SHERPA testará a metodologia em vários MAPs selecionados em diferentes estados-membros para desenvolver os primeiros documentos de posição do projeto. O website oficial do projeto será lançado muito brevemente, assim como as contas nas diversas redes sociais.

Para mais informações relativas ao projeto ou aos parceiros, clique aqui.
Contacto de media: Robin Salter, Diretor de Comunicação do SHERPA (rsa@aeidl.eu)

Outras Notícias

18 de Maio, 2018Eventos

A CONSULAI subscreveu a Carta de Princípios do BCSD Portugal

A CONSULAI subscreveu a Carta de Princípios do BCSD Portugal, documento que estabelece os princípios que constituem as linhas orientadoras para uma boa gestão empresarial. A Carta de Princípios pretende criar um referencial voluntário adaptado a empresas de várias dimensões, de forma a encorajar a massificação de práticas de gestão sustentável baseada em seis princípios: [...]

ler mais

18 de Maio, 2020

CONSULAI apoia uma terceira candidatura ao sistema de incentivos à inovação produtiva no contexto da COVID-19

O sistema de incentivos à inovação produtiva no contexto COVID-19 apoia empresas que pretendam estabelecer, reforçar ou reverter as suas capacidades de produção de bens e serviços destinados a combater a pandemia do COVID-19. O objetivo do aviso é suprir as necessidades da sociedade atual, redirecionando, ainda que de forma temporária, a atividade para essa [...]

ler mais

Apoios Consulai